quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

A unha, a manicure e o crime

Acabei de fazer minhas unhas. E só tenho uma coisa a declarar:
O que minha manicure chama de unha encravada, eu classifico como tentativa de homicídio.
E o pior de tudo: eu ainda senti que tinha alguma coisa e pedi que ela fosse mais fundo...
Mais um pedacinho de unha que saiu, mais dor, mais estrelas diante dos meus olhos...
Não vou mostrar uma foto do meu pé, a visão de uma unha clarinha com marca de sangue do lado não é o que podemos chamar de uma visão agradável.
Beijos

4 comentários:

Deusa disse...

Nem me fale...fui fazer a mesma coisa e estou a duas semanas com os dedos enfaixados...quase fui executada pela louca da mani...cure....ta mais para Maniaca que não cura...rsrsrs.
Bjs
Deusa
vasinhos coloridos

Dona Amélia disse...

Aiii, frô, sinto a dor só de imaginar..
Tomara que não inflame e que seu dedo fique bom rapiidnho..

Xerinhos
paty

Helena Garcia disse...

Ooooooi minha amiga querida e sumida!!! Tava com saudades...vc sumiu lá do blog....tudo bem com vc, querida? Parece que só a unha do pé que tá te incomodando, né? Ai, que dor horrível que é a danada da unha encravada, né Sandra?? Ninguem merece!!
Amiga, passei pra te deixar um beijo e te desejar um ótimo fim de semana!
Fica com Deus !


Helena
http://diaadiacorridinho.blogspot.com

Aline disse...

Ninguém merece essas manicures car rniceiras, por isso que raramente vou em uma. Se o dedo estiver doendo, pinga umas gotinhas de dipirona em cima dele, ajuda a aliviar
bjs