sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Uma manhã deprimente

Depois de duas semanas recolocando a vida no lugar (parece muito tempo, mas é que estou atoladíssima de trabalho), pensei que meu martírio houvesse chegado ao fim. Assim que formatei os computadores me preocupei em colocar o programa da loja para funcionar, que era o mais urgente. Depois, fui cuidar de refazer minhas planilhas (isso sim, foi de tirar o sono!), recuperar algumas músicas (essencial para minha cabeça funcionar – só trabalho ouvindo música) e baixar alguns documentos que eu tinha armazenado no e-mail. Ontem, finalmente tudo estava funcionando bem. Então, vi que tinha ficado todos esses dias afastada aqui do blog e pensei "amanhã vou fazer uma postagem nota 10!", mas...eis que acordo de madrugada e começo a pensar sobre o que seria essa postagem. Tudo o que me ocorria dependia das fotos que eu havia selecionado, armazenado, separado por assunto e que agora não tenho mais. Então me bateu uma tristeza, uma falta de inspiração, é frustrante!

Até o que eu tinha pensado em encarar no faça-você-mesma aqui no escritório perdeu a graça. Lembram do marceneiro? Pois é, até hoje! E, como não sou só eu a ser enrolada, acho que ainda vai demorar... Aí eu estava procurando algo que eu mesma pudesse fazer e até me ocorreram algumas idéias. Pois não é que esqueci tudo? É sério! Não consigo lembrar o que eu tinha pensado de madrugada (e eu estava muito bem acordada). A única coisa que eu lembro é de ter pensado em fazer umas listras na parede, ou pintar uma frase legal. Sei que pensei em uma solução pra estante, que pensei numa cor pras paredes, em mudar as coisas de lugar e em outros detalhes.

Alguma de vocês já passou por isso?

Beijos!


 


 

2 comentários:

Wlady disse...

já aconteceu comigo também, até hoje fico pensando e não consigo lembrar daquela idéia que na noite sem sono me pareceu super 10 para a minha casa e um post. Agora fico mais tranquila em saber que ainda não estou ficando louquinha.
bjk e ótimo final de semana pra vc

Aline disse...

Já aconteceu comigo sim e em relação ao computador.... várias vezes, principalmente na época do TCC, agora não acontece mais isso, ainda bem.
Mas é normal Sandra, acontece nas melhores famílias.
Grande Beijo